quinta-feira, 11 de junho de 2009

Atelier de bolso

Por falta de tempo ou de espaço, ou por mera preguiça de lavar
pincéis, organizar tintas e preparar suportes, há tempos me tornei um
pintor (ou desenhista) bissexto. Mas agora voltei ao front! Tchaaaan!
Graças ao iPhone aproveito bem aqueles momentos que poderiam ser
chatos (esperas em fila e consultórios por exemplo) e fico revendo
algumas lições de pintura ou desenho. Mais livre que nunca. Estas aí em cima foram feitas a dedo na telinha.

2 comentários:

  1. Nossa QUE LEGAL, Magno.
    É a primeira pessoa que eu vejo que faz arte usando o iPhone, rs...
    Adorei as pinturas digitais!
    Eu tambem abandonei meus pincéis, depois que me mudei para um micro "apertamento" então! E o medo de respingar tinta na parede branquinha? Hahahah...
    Apesar da emoção de se pintar com tinta, o cheiro, a textura... a pintura digital é 1000 vezes mais prática, e o resultado que você conseguiu ficou muuuuito interessante!
    Parabéns!
    Beijos, Elisa

    ResponderExcluir
  2. Oi Elisa, obrigado pela visita. Prefiro ainda a pintura e o desenho da forma tradicional, acho mais envolvente principalmente porque podem ser feitos em tamanhos grandes, mais gestuais. Porém isto não me impede de considerar a telinha do iPhone como algo válido também, né mesmo? Abraços!

    ResponderExcluir

Após moderação, o seu comentário será publicado nesta postagem. Obrigado pela visita.