quinta-feira, 23 de junho de 2011

Mariantonios

Mariantonios é um e-zine de trabalhos experimentais que se valem de uma precariedade necessária, recusando a conclusão, o acabamento. Como a minha labuta é desenhar marcas e projetos que precisam muitas vezes de objetividade e – sempre – de precisão, publicar no Mariantonios significou remexer as gavetas das mapotecas e desentocar trabalhos que ainda trazem o frescor da experimentação e do estampido. Neste número 2, o zine publicou um trabalho que fiz por volta de 1984, nos tempos de artes plásticas na Escola Guignard, em Belo Horizonte. Intimamente dei pra colagem o nome de República da Iraí – a rua do antigo prédio onde fundamos uma república de grandes amigos. Hoje, graças ao distanciamento no tempo, vejo na colagem ecos da minha admiração pelas obras de Paul Klee, Picasso e Marc Chagall. Veja o Mariantonios aqui.

sexta-feira, 18 de fevereiro de 2011

Sobre pinturas digitais

Hoje saiu uma matéria no Diário do Comércio, São Paulo, sobre as pinturas feitas no iPhone e iPad. A jornalista Kety Shapazian se interessou por algumas pinturas digitais que cometi, publicadas neste blog e fez uma matéria na medida. Saber que o David Hockney também pinta digitalmente, para mim, foi surpreendente e fico envaidecido por estar ao lado dele numa mesma página.